ROBÉRIA SANTANA Dissecção aórtica torácica foi a causa da insuficiência cardíaca, diz médicos

Fachada do Hospital Ana Nery, em Salvador, onde Roberia está sendo assistida

DA REDAÇÃO | Cultura&Realidade

“O boletim que os médicos passaram agora foi verbal e rápido (por volta das 16h). Eles repetiram os exames realizados em Irecê, constatando evidência de dissecção (da aorta) tipo A. No momento seu quadro é estável, porém não consegue realizar MMII (movimento dos membros interiores). Os profissionais de saúde estão aguardando o médico especialista, radiologista, analisar para definir (a intervenção adequada).” A informação foi dada ao site Cultura& Realidade por Vitória das Virgens, filha se Robéria Santana.

Roberia Santana – Foto: Rede Social de Roberia

Ainda segundo Vitória, Robéria está consciente e estável, sem dores e dormindo no momento. Está sendo medicada à base de Nipride e Esmolol, em baixa vasão. As dores torácicas dissiparam-se com as medicações. Novo boletim será divulgado nesta segunda-feira, 11, às 15h. Se ocorrer alteração importante do quadro, os médicos entram em contato com a família”, disse.

“Peço que todos continuem em oração pela nossa guerreira! Deus está no controle. Ele é fiel, eu tenho fé!” manifestou Vitória.


DIAGNÓSTICO

De acordo com o diagnóstico inicial, Roberia Santana, de 50 anos, sofreu um dissecamento aórtico. Mas o que é isso?
Segundo pesquisa bibliográfica, o site Cultura&Realidade constatou que “uma dissecção aórtica é um distúrbio frequentemente fatal em que a camada interna (revestimento) da parede aórtica se rompe e se separa da camada intermediária da parede aórtica.

A maior parte das dissecções aórticas ocorrem porque a hipertensão arterial provoca a deterioração da parede da artéria.
As pessoas sentem dor súbita e extrema, mais comumente ao longo do tórax, mas também nas costas entre as escápulas.
O diagnóstico geralmente é confirmado por meio de radiografias e tomografias computadorizadas.


As pessoas geralmente tomam medicamentos para diminuir a pressão arterial e os médicos fazem cirurgia para reparar o rompimento ou implante de endoprótese para recobrir o rompimento.

A aorta é a maior artéria do corpo. Ela recebe sangue rico em oxigênio do coração e, por meio de suas ramificações em artérias menores, distribui este sangue para o corpo. A aorta torácica, onde ocorre a maior parte da dissecção aórtica, é a parte da aorta que atravessa o tórax.

Quando o revestimento da aorta se rompe, o sangue pode penetrar pela ruptura e separar (dissecar) a camada média da parede da aorta da camada externa, ainda intacta. Como resultado, um novo canal falso se forma na parede da aorta. As dissecções aórticas são três vezes mais comuns entre homens e entre negros (especificamente afro-americanos) e menos comuns entre asiáticos. Cerca de três quartos das dissecções aórticas ocorrem em pessoas de 40 a 70 anos.

A causa mais comum de dissecção aórtica é:

Deterioração da parede da artéria em razão de hipertensão arterial prolongada.


Mais de dois terços das pessoas que têm dissecção aórtica têm hipertensão arterial.

As causas menos comuns de dissecção aórtica incluem:

Doenças hereditárias do tecido conjuntivo, especialmente síndrome de Marfan e síndrome de Ehlers-Danlos.

Defeitos congênitos do coração e dos vasos sanguíneos, como coartação (estreitamento) da aorta, persistência do canal arterial (uma conexão entre a aorta e a artéria pulmonar) e defeitos da válvula aórtica.

Arteriosclerose

Lesão, como um forte golpe no tórax causado por um acidente de carro ou queda.

Envelhecimento, que pode causar deterioração da parede da artéria.

Raramente, uma dissecção pode ocorrer por acidente quando os médicos estão inserindo um cateter em uma artéria (por exemplo, durante uma aortografia ou angiografia) ou fazendo uma cirurgia no coração ou nos vasos sanguíneos.

Fonte científica:
Mark A. Farber e Thaniyyah S. Ahmad em artigo publicado pelo “Manual MSD” no site: (www.msdmanuals.com/pt/casa)

ERRATA: O título desta matéria foi alterado.

Onde se lia: ROBÉRIA SANTANA: Médicos confirmam aneurisma no sistema cardiovascular de Robéria Santana


Lê-se: ROBÉRIA SANTANA: Dissecção aórtica torácica foi a causa da insuficiência cardíaca, diz médicos

Deixe uma resposta