Após promessa russa, EUA anunciam vacina para covid em fase final

DA REDAÇÃO | Correio Braziliense

A empresa de biotecnologia dos Estados Unidos Moderna informou nesta terça-feira (14) que entrará na fase final de seus testes em humanos para a vacina COVID-19 em 27 de julho, após resultados preliminares promissores publicados em um periódico científico.

O estudo de fase 3 recrutará 30.000 participantes nos EUA. Metade receberá a vacina com doses de 100 microgramas e a outra metade receberá um placebo.
O ensaio foi projetado tanto para saber se a vacina é capaz de evitar a infecção pelo vírus Sars-Cov-2 ou, mesmo se as pessoas se contagiarem, se o imunizante será capaz de evitar que a infecção desenvolva sintomas.
Se surgirem sintomas, a vacina ainda poderá ser considerada bem-sucedida se conseguir impedir casos severos de COVID-19.
O estudo deverá se estender até 27 de outubro de 2022, segundo sua página na internet, clicaltrials.gov.
O anúncio ocorre depois de o New England Journal of Medicine publicar nesta terça resultados do primeiro estágio do ensaio com a vacina da Moderna, que demonstraram que todos os primeiros 45 participantes desenvolveram anticorpos para o vírus.

Deixe uma resposta