file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Politica

Rui Costa anuncia mudanças no quadro de secretários na próxima semana

10 de Janeiro de 2017 (atualizado 09/Fev/2017 01h47)

As mudanças que o governador Rui Costa irá promover tem potencial para, além da esfera administrativa, mexer no balanço político estadual, justamente no momento em que a Assembléia Legislativa está em processo de escolha de um novo presidente. Em meio à tantas movimentações no cenário político estadual, está em jogo a possibilidade (ou não) de Irecê contar com uma representação legislativa - o suplente de deputado Mário Jacó depende do desfecho de ambas (mudanças no secretariado e eleição de presidente da AL-BA)  para saber se assume ou não como deputado

file-2017-02-08234736.607657-rui-costa-mateus-pereirabb80e0f2-ee69-11e6-945a-047d7b108db3.jpg

Foto: governador Rui Costa Foto (Mateus Pereira/GOVBA)

Da Redação, com informações do Tribuna da Bahia  

O governador Rui Costa (PT) afirmou ontem que anunciará as mudanças no secretariado na próxima semana. “Semana que vem anuncio as mudanças, não somente em secretarias, mas também em empresas e órgãos. Estamos trabalhando para afunilar estas mudanças e na próxima semana estarei anunciando, para que já em janeiro os novos ocupantes possam começar a trabalhar”, disse Rui em entrevista à TV Record.

Segundo o governador, “as coisas estão se afunilando”. Rui despista, mas um dos cotados para deixar o atual posto é Josias Gomes (deputado federal licenciado – PT), na Secretaria das Relações Institucionais (Serin), pasta responsável pela articulação política do Palácio de Ondina. O governador, no entanto, não confirma a saída de Josias, mas admite o desgaste. Ele já chegou a dizer que o desgaste “é inerente ao cargo”.

Com a provável saída do titular da Serin, a expectativa é de que o ex-governador Jaques Wagner chegue junto na articulação de Rui com o Legislativo. Wagner assumiu em novembro de 2016 o comando do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Bahia (Codes). Além de Josias Gomes, são cotados para deixar o governo também Carlos Martins, da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur); o deputado estadual licenciado Vitor Bonfim (PDT), que comanda a Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri); Jorge Portugal, da Secretaria de Cultura; e o também deputado estadual licenciado Álvaro Gomes (PCdoB), da Secretaria de Emprego, Trabalho, Renda e Esporte (Setre).

No rol das especulações, Carlos Martins deve ir para a Casa Civil, hoje sob comando de Bruno Dauster; Cícero Monteiro deve assumir a Serin; e o ex-ministro Juca Ferreira deve assumir a Cultura. Rui ressalta o cuidado na reforma por causa do trato com os aliados. “Estamos harmonizando as coisas. É o mesmo que montar um quebra-cabeça. E não adianta anunciar sem todas as peças montadas e, por enquanto, não está completo”.

Nos bastidores se diz que o PSD, partido do senador Otto Alencar, espera que o governador sinalize com ‘mais espaço’ nesta segunda metade de seu mandato. O passe da legenda valorizou depois das eleições municipais de 2016. A legenda saiu como grande vitoriosa das urnas na Bahia, com 82 prefeitos em exercício do mandato desde o dia 1º de janeiro. É especulado que o PSD assuma a Secretaria de Desenvolvimento Urbano.

Suplências - As mudanças na equipe do governo devem mexer na composição da base governista na Assembléia Legislativa do Estado (AL-BA). Se Vítor Bonfim (PDT) deixar seu cargo, retorna a sua função como deputado estadual, devolvendo ao "banco de reservas" o suplente que o substituiu nesse período. As mudanças também afetam os planos de Mário Jacó (PT), suplente de deputado que aguarda a sua vez de adentrar a AL-BA.

Até meados de dezembro, sua promoção a assembléia era dada como certa, mas com a mudança nos planos de Mirela Macedo (PSD), sua situação se tornou uma incógnita. Mirela, eleita vice-prefeita de Lauro de Freitas, teria sido "convocada" por Otto Alencar para assumir sua vaga como 1º suplente de seu partido, o que fecha as portas para Jacó, que tinha tudo para devolver a Irecê uma representação legislativa na política baiana. Mas nem a entrada de Mirela na assembléia é certeza absoluta. A depender das mudanças de Rui em seu secretariado, a vaga da vice-prefeita de Lauro de Freitas também pode desaparecer, caso Vitor Bonfim for substituído em sua secretaria.