file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Cultura, Esporte e Lazer

Primeiro módulo de oficinas sobre Pontos de Cultura chega a Seabra

Rodrigo de Castro Dias - 03 de Maio de 2017 (atualizado 21/Jun/2017 10h44)

Foto: Pontos de Cultura são importantes para incentivar a produção cultural local (Reprodução/Arquivo)

Foto: Pontos de Cultura são importantes para incentivar a produção cultural local (Reprodução/Arquivo)

O primeiro módulo, com foco na Prestação de Contas, da série de oficinas para os Pontos de Cultura da Bahia qualificarem a execução de seus projetos chega agora à cidade de Seabra, na Chapada Diamantina. O encontro acontecerá no Sindicato dos Trabalhadores Rurais, no dia 11 de maio (quinta-feira), dividido em dois turnos, das 9 às 12h, com explanação de conteúdos e orientações sobre o correto preenchimento do formulário de prestação de contas. E das 14 às 17h, com atendimento individualizado e esclarecimento de dúvidas.

Para participar, é preciso fazer inscrição prévia por meio do formulário disponível em https://goo.gl/forms/cGZ8CuwjLpr6kgrg1. A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) da continuidade ao projeto com vistas a atender prioritariamente os representantes de 44 Pontos de Cultura existentes nos territórios da região da Chapada Diamantina, da Bacia do Jacuípe, Irecê, Piemonte da Diamantina e Piemonte do Paraguaçu.

Esta frente de capacitação é aberta após a realização, no último mês de fevereiro, da primeira edição do Seminário Cultura Viva, que apresentou informações sobre a Política Nacional de Cultura Viva, implementada pela Lei nº 13.018/2014 para garantir a ampliação do acesso da população aos meios de produção, circulação e fruição cultural a partir do Ministério da Cultura (MinC) em parceria com governos estaduais e municipais.

Os Pontos de Cultura são o principal objeto desta atuação e é fundamental investir na capacitação dos seus agentes. As oficinas serão conduzidas por servidores técnicos da Diretoria de Cidadania Cultural, unidade da Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult), responsável pela direção da Cultura Viva na Bahia.

Eles se encontram com os gestores sociais que estão à frente dos Pontos de Cultura para trocas e esclarecimentos práticos, disseminando também informações sobre boas práticas na gestão de Pontos de Cultura. Ainda no primeiro semestre, esta mesma ação circulará por cidades em diferentes macroterritórios do estado. Após esta etapa, estão previstas oficinas para tratar de temas como Plano de Trabalho, Termos Aditivos, Comunicação, Articulação em Rede etc.

Com informações da Sudecult e do Jornal da Chapada