ESPECIAL DE SÃO JOÃO

Por pouco não acontece uma tragédia com o o músico Felippe Rodrigues e o grupo Xote Rasgado no retorno a Brasília

Cultura&Realidade - 25 de Junho de 2019 (atualizado 25/Jun/2019 11h33)

file-2019-06-25105457.773461-felipe_sanfonad1662de0-9750-11e9-83c2-f23c917a2cda.jpg

Felippe Rodrigues fez apresentação em Irecê no palco principal, no primeiro dia dos festejos juninos- Foto: Ascom/Prefeitura de Irecê

O cantor ireceense Felippe Rodrigues, que se apresentou no primeiro dias dos festejos de São João, em Irecê, se livrou de um incidente no transcurso do seu retorno a Brasília, onde reside. Por pouco não seria um acindete de graves proporções.  Próximo a Planaltina, segundo postou a sua companheira Viviane Dourado, na sua conta pessoal de Facebook, o veículo, uma VAN em que viajavam, além dele e Viviane, o grupo Xote Regado, apresentou sinais de incêndio.

“Foram muitos sustos até chegarmos ao DF e instantes de pânico quando se iniciava um princípio de incêndio no transporte que nos levou e nos trouxe da Bahia...” disse Viviane na sua postagem.

Dez pessoas faziam parte da tripulação, que, pela informação dada, saiu às pressas do veículo, no meio a fumaça. “Após inalar muita fumaça no princípio de chamas em nossa Van, pois comecei a correr na direção do vento e toda a fumaça vinha na minha direção. Quando consegui sair, foi que eu vi, que já tinha gente com extintor na mão, nos socorrendo”, publicou Viviane.

“Socorro de todos os lados! Quero agradecer ao Senhor do Universo e a todos que prestaram atendimento e orações durante este nosso trajeto: bombeiros, motoristas, motociclistas, pedestres...”, manifestou o artista ireceense, filho do cabeleireiro Edmundo Oliveira e da confeiteira Maria de Fatima Rodrigues Dourado.

Ninguém ficou ferido e já estão todos bem em suas casas, na Capital Federal.

As psotagens:

Imagem do momento de socorro pelos bombeiros:

Veja cenas do princípio de incêndio, no link abaixo:

https://www.facebook.com/vivianeferreira.dourado.7/videos/325381838386522/?t=0

Da redação/Com informes das páginas pessoais de Facebook de Viviane Dourado e Felippe Rodrigues