CHAPADA

Plano agroecológico será desenvolvido por produtores da Chapada Diamantina

Cultura&Realidade - 10 de Fevereiro de 2020

file-2020-02-10084727.215575-WhatsApp_Image_2020-02-10_at_08.43.191c512d5a-4bfb-11ea-b070-f23c917a2cda.jpg

O Sebrae seguirá como parceiro das ações que serão desenvolvidas - Foto: Ilustração

Após os resultados da oficina de Planejamento Agroecológico realizada pelo Sebrae em Mucugê, na comunidade rural de Caraíbas, em outubro de 2019, a secretaria de Agricultura do município decidiu ampliar os trabalhos. Entendendo o potencial do segmento na região, foi elaborado o Plano Municipal de Desenvolvimento Sustentável de base agroecológica. As atividades terão duração de oito meses e iniciam em março.

Sob a coordenação de Diego Miranda, que também foi o facilitador do Sebrae, as atividades do plano serão aplicadas às mais de 60 comunidades rurais de Mucugê, divididas em 13 microrregiões. Os produtores receberão capacitações em agroecologia, farão um diagnóstico, além de elaborar um plano de ação para a sua microrregião.

O Sebrae seguirá como parceiro das ações que serão desenvolvidas. O secretário de Agricultura do município, Tiago Profeta, destacou a aproximação que a instituição tem com os produtores, além da oferta de soluções voltadas para o segmento. “Após os oito meses de atividade, o Sebrae pode nos ajudar muito para a elaboração do plano de ação do município. Seja com as capacitações, viagens técnicas ou ainda com seus consultores credenciados”, destaca o secretário.

“A ampliação dessa atividade reflete um impacto tão positivo, que o município decidiu replicar para outras comunidades rurais. Seguimos firmes com o propósito do Sebrae de transformar a realidade das comunidades em que atuamos”, afirma o analista do Sebrae Heitor Marback.

Agroecologia no Sebrae

O Sebrae em Irecê iniciou suas ações voltadas para a agroecologia em 2013, com a proposta do cultivo de morango para a Chapada Diamantina. Em 2017, com essa cultura consolidada, foi implantado o projeto de Horticultura, com foco na ampliação do cultivo de frutas vermelhas, encerrado em 2019.

Para 2020, o Sebrae passa a integrar o programa AgroNordeste e ampliará o seu campo de atuação. Além do segmento de horticultura, irá assistir também à fruticultura, apicultura, bovinocultura de leite e caprinocultura. O atendimento contempla 28 cidades, 12 do território da Chapada Diamantina e 16 do território de Irecê.

Fonte: Sebrae Irecê