file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Festival Gastronômico Paladares do Sertão

No ritmo dos Anos 60, Carnaval da 3ª Idade espalha alegria por Ibititá

22 de Fevereiro de 2016

idade2.jpg [caption id="attachment_3947" align="aligncenter" width="450"]Foto: Sertão Baiano Foto: Sertão Baiano[/caption] Moradores de diversos municípios da Região de Irecê se uniram, neste sábado (20), para prestigiar o Carnaval da 3ª Idade de Ibititá, promovido pelos Grupos de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, em parceria com a Secretaria Municipal de Ação Social e o CRAS. O evento, que chega a terceira edição, teve como tema os Anos 60. De acordo com a fisioterapeuta e coordenadora dos grupos, Fernanda Scalabriny, a sugestão foi feita por Dona Lucy, que curtiu a festa bem pertinho do trio Mega Líder. Antes mesmo do início da folia, o senhor Natalício Novaes, 73 anos, do povoado de Alto da Cruz, já esbanjava energia e vitalidade. “Pra mim, não tem coisa melhor no mundo. Vou até o final neste ritmo. Essa é a alegria de viver”. Este ano, numa proposta inovadora, as alas possuíam música, fantasia e coreografia específicas, tudo inspirado na temática central. Dona Larislene Lucas, integrante da turma da Lagoa da Pedra, entrou no “túnel do tempo”. “Hoje me sinto como se tivesse 20 anos... Foi Deus que mandou isso aqui pra nós”, afirmou a “jovem” de 64 anos, comprovando que os investimentos feitos pelo Governo Cafu Barreto deram nova perspectiva de vida aos ibititaenses da “Melhor Idade”. Enquanto isso, a banda Barra Folia, de Barra do Mendes, animava a multidão com marchinhas de outros carnavais. De cima do trio, o locutor perguntou: “tem alguém velho aí?” A galera respondeu em coro: “NÃO”. Manoel Nascimento, de 65 anos, era um dos mais animados. “Tenho energia de sobra... Por mim, a festa só termina amanhã”, disse enquanto dançava ao lado do amigo Sebastião Lino da Silva, 61, morador do Povoado do Circo. “Tô botando pra arrombar”, completou o “garotão” mais conhecido como Seba. Exemplo pra todo o Brasil Em discurso, a titular da pasta de Ação Social, Maria Gilaide, parabenizou os Grupos de Convivência e disse que, graças aos esforços da Administração Municipal, “em Ibititá a 3ª Idade é ativa e tem qualidade de vida”. “Vocês me enchem de orgulho”, finalizou a gestora. O prefeito Cafu Barreto, emocionado, agradeceu a todos pela lição de vida e revelou que o senador Wellington Fagundes está interessado em implantar o projeto dos Grupos de Convivência de Ibititá em Rondonópolis, no estado do Mato Grosso, sua cidade natal. “É a alegria do nosso povo e a organização do nosso governo servindo de exemplo para todo o Brasil”. Depois de percorrer as principais ruas e avenidas do Centro da cidade, ainda teve a “saideira” com apresentações culturais e show de Dubiran e Banda na quadra coberta. Também acompanharam o carnaval o vice-prefeito Artuzinho da Mata, secretários, vereadores, lideranças políticas, funcionários e colaboradores do município. Fonte: Sertão Baiano