file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Educação

No dia do Pedagogo, prefeitura de Irecê reinaugura Cermult

Rodrigo de Castro Dias - 22 de Maio de 2017 (atualizado 20/Jun/2017 11h29)

Foto: Caminhada em prol da educação inclusiva marcou reinauguração do espaço (Divulgação/PMI)

Foto: Caminhada em prol da educação inclusiva marcou reinauguração do espaço (Divulgação/PMI)

Redação Cultura&Realidade

Uma caminhada na manhã deste sábado (20)  marcou a reinauguração do Centro de Referência Multidisciplinar da Educação Inclusiva (Cermult).  O novo projeto da Prefeitura de Irecê traz um espaço mais adequado aos atendimentos e mais amplo que o anterior, que funcionava no antigo Projeto Rondon. O centro é vinculado à Secretaria Municipal de Educação de Irecê e, por meio de parcerias com as Secretarias de Saúde e de Desenvolvimento Social, realiza atendimento multidisciplinar para crianças e adolescentes, matriculados na Rede Municipal, que apresentem Necessidades Educacionais Especiais (NEE).

O secretário de Educação, Agnaldo Freitas se mostrou satisfeito com a ação.  "A sensação é do dever cumprido já nesse primeiro quadrimestre de gestão. Mas temos consciência que ainda há muito a fazer.”, analisou. Agnaldo ainda lembrou o dia do Pedagogo, comemorado em 20 de maio: “Nessa data especial, cabe a reflexão de que a nossa missão de ensinar passa pela labuta da alfabetização até cuidar do aluno especial. Parabéns aos colegas pedagogos”.  

reinauguração do cermult em irecê contou com presença do prefeito elmo vaz

Foto: prefeito Elmo Vaz compareceu á reinauguração do Cermult (Divulgação/PMI)

Homenagem - A nova casa, localizada na Rua Cláudio Pereira Nunes (ao lado do CEO), ganhou o nome de Hiago Souza Silva, uma homenagem à primeira criança atendida pelo Cermult, falecida em 2013, em decorrência de um câncer. A família do menino participou, emocionada, do agraciamento. Para a coordenadora do Cermult e educadora técnica de Educação Inclusiva, Cláudia de Almeida Silva, a láurea é justa: “Hiago era deficiente visual, mas essa condição não o impunha limites. Ao contrário: a deficiência o tornava mais eficiente. Ele queria ser livre”, lembrou. Ela também destacou que agora o Cermult conta com fisioterapia, especialidade que não havia antes.

Em 2017 o Cermult já realizou quase 800 atendimentos com psicólogos, psicopedagogos, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta e assistente social. Além disso, foram iniciados atendimentos com fisioterapeuta que trabalha em exercício de solos e hidroginástica, e realizou cerca de 150 consultas com neurologista, oftalmologista, ortopedista e otorrinolaringologista.

Com informações da prefeitura de Irecê