Economia

Líder do governo na AL-BA, Rosemberg apoia abertura de capital da Embasa

Cultura&Realidade - 17 de Dezembro de 2019

file-2019-12-17170729.809682-Sem_titulo-1da893c4a-2108-11ea-b070-f23c917a2cda.jpg

O líder do governo conversou com a imprensa durante a inauguração de novo Centro de Atenção Psicossocial (Caps), localizado no bairro de Armação. -  Foto: Ilustração

 

Embora haja uma divergência entre os membros do Partido dos Trabalhadores quanto à abertura de capital das empresas públicas de saneamento, o líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado estadual Rosemberg Pinto (PT), apoia a decisão do governador Rui Costa (PT). Na última semana, o chefe do Executivo estadual anunciou que a Embasa deve passar a ser uma empresa de economia mista, como ocorre hoje com a Petrobras e outras organizações.
 
"Em nenhum momento, o PT discutiu a abertura de capital da empresa. Eu sou funcionário da Petrobras, sou um defensor ferrenho da Petrobras e a Petrobras tem o capital aberto", afirma o deputado em entrevista à imprensa, na manhã desta terça-feira (17).
 
De acordo com o parlamentar, o governador já anunciou que vai trabalhar para manter as ações majoritárias "sob a batuta do Estado da Bahia". Sendo assim, ele acredita que o modelo de economia mista é a melhor solução. "Na minha opinião, não vejo nenhum problema com relação a essa iniciativa até porque esse é o formato que melhor se ajusta à realidade, então significa melhorar sua capacidade profissional, melhorar sua capacidade de investimento", aposta.
 
O líder do governo conversou com a imprensa durante a inauguração de novo Centro de Atenção Psicossocial (Caps), localizado no bairro de Armação.

Da Redação, com informações do BN.