Irecê e Região

Jussara reforça as medidas restritivas, declara Estado de Emergência e suspende a feira livre deste sábado, 28

Cultura&Realidade - 27 de Março de 2020 (atualizado 27/Mar/2020 18h36)

file-2020-03-27183404.358527-miriamae73ae88-7072-11ea-8fae-f23c917a2cda.jpg

Secretária de Saúde, Míriam Berreto, coordena o monitoramento contra o coronavírus - Foto: Ascom/PMJ

Jussara amplia as medidas restritivas, declara Estado de Emergência em Saúde e suspende a realização da feira livre deste sábado, 28

 

Nesta quinta-feira, 26, as equipes de saúde do município de Jussara, coordenadas pela secretária de saúde Míriam Barreto, receberam aliviadas a notícia do Lacen – Laboratório de Análises Clinicas de Saúde Pública do Estado, em Salvador, sobre um caso testado no município. “O único caso suspeito que se encontrava em investigação deu negativo. Graças a Deus!”, comemorou a secretária. O último boletim divulgado nesta sexta-feira, 27, manteve o seguinte quadro: zero suspeito, zero positivo e um negativo.

Apesar da boa notícia, o prefeito Hailton Dias, resolveu enfrentar as pressões dos setores econômicos pela abertura do comércio, e manteve as restrições de prevenção à infestação do coronavírus.

“Estamos com muita gente que veio de regiões infestadas, portanto, o risco cresceu em nossos bairros e comunidades. Todos estes amigos que vieram para ficar com suas famílias, vem desejosos de uma relação social mais efetiva com seus amigos. Porém, para proteger a eles e suas famílias, mantivemos todas as medidas restritivas, proibindo principalmente a abertura de bares e vendas de bebidas alcoólicas, inclusive em supermercados e mercadinhos. Todas as atividades que possam promover aglomerações de qualquer natureza, continuam suspensas até o nosso comitê de gestão avaliar e adotar novas medidas”, disse o prefeito.

“Consideramos o isolamento social, neste momento, pelo que temos acompanhado no mundo e no Brasil, a estratégia mais eficaz para proteger a vida da nossa população. Dificilmente não seremos afetados, mas, quanto mais tempo demorar, maior será a possibilidade de darmos assistência de qualidade e evitar mortes”, concluiu o prefeito Hailton.

Para o secretário de governo do município, Emanuel Rocha “essa é uma semana importante para manter tudo fechado, considerando as orientações das maiores autoridades de saúde do Brasil, que preveem, ser este período, o mais crítico para a proliferação do vírus”, observa.

"Estimular a circulação de pessoas pelas ruas, a partir da flexibilização das medidas restritivas é, a nosso ver, potencializar os riscos à população. O prefeito Hailton Dias, não só manteve e ampliou a restrições até a próxima semana, como decretou Estado de Emergência em Saúde no município”, informou Emanuel, acrescentando que a secretária Mírian Barreto intensificou esta semana as ações estratégicas de monitoramento, dia e noite, com apoio da Polícia Militar e outros serviços de segurança, atendendo a todos os chamados da população que liga, sinalizando situações de risco.

Fonte: Ascom/Agência Vitória