file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Cultura, Esporte e Lazer

Jovem artista da região de Irecê irá gravar disco graças a financiamento coletivo

13 de Fevereiro de 2017 (atualizado 29/Jun/2017 15h10)

Foto: Jovem compositor gravará disco graças a financiamento coletivo (Reprodução/Facebook)

Foto: Jovem compositor gravará disco graças a financiamento coletivo (Reprodução/Facebook)

Redação Cultura&Realidade - Por Rodrigo de Castro Dias

O jovem compositor Yan Paiva, habitante de Canarana, na região de Irecê, conquistou um feito difícil para um artista iniciante. Graças a um trabalho contínuo de divulgação de seu trabalho e do apoio incessante da família e dos amigos, ele conseguiu arrecadar pouco mais de R$ 10 mil em uma plataforma de crowdfunding (financiamento coletivo). Com isso, poderá gravar o seu primeiro disco autoral.

O projeto de lançar um álbum com canções de sua autoria nasceu logo após a gravação de um EP (espécie de minidisco) com 5 canções, no início de 2016. A experiência de dar forma a canções de sua lavra estimulou Yan a expandir Atlas - título do EP e também do futuro disco - para um projeto maior.

Em novembro, foi lançada na plataforma Benfeitoria a campanha para arrecadar fundos necessários a realização do projeto. "Para tirá-lo do campo das ideias, decidi fazer uso do financiamento coletivo, pois acredito que, assim, a relação entre artista e público fica ainda mais próxima e verdadeira, afinal, todo mundo pode acompanhar de perto o processo de produção e desenvolvimento do projeto, conhecendo a fundo suas ideias e pretensões", explica Yan, sobre o que o moveu a buscar ajuda financeira de terceiros. Obviamente, a falta de dinheiro também foi um fator determinante. "Money, que é good, nós num have", brinca.

Capa do EP de Atlas, gravado em 2016. O futuro álbum contará com 17 faixas - 12 inéditas mais as 5 do EP.

A campanha, que se encerrou no último dia 10, correu risco de não cumprir a meta. Por isso, Yan demonstra alívio pelo êxito da empreitada. "O sentimento é uma mistura de alívio com euforia e gratidão. Alívio, pois a campanha me consumiu muito e ter conseguido chegar ao êxito, no finzinho, trouxe uma sensação de alívio enorme. Euforia, porque só de pensar que eu vou entrar em estúdio de novo e poder mostrar as novas músicas pra todo mundo, eu sinto uma alegria que não cabe em mim", conta.

Sua mãe, a professora e poetisa Núbia Paiva, expressa felicidade em ver a força de uma ação coletiva ganhando corpo. "No fim da campanha fiquei contemplando a força do coletivo. Analisando o quanto é bonito ver as pessoas que apostam na grandeza do trabalho dele tomarem para si o mesmo desejo de que dê certo, e lutarem junto", salienta.

Próximos passos - Agora que possui o orçamento necessário para seguir adiante com o projeto, Yan se prepara para os próximos passos. "(Agora) é pensar com Daniel e Kelvin (Daniel Penha e Kelvin Diniz, parceiros musicais e produtores do futuro disco) as ideias base dos arranjos, isso deve acontecer nas próximas semanas. Depois de idealizar essa parte, vou entrar em contato com os músicos que forem necessários (no estúdio)". Segundo Yan, a previsão é que Atlas seja lançado no início do segundo semestre.

Para conhecer mais - Yan Paiva iniciou seu contato com a música na adolescência, influenciado pela verve artística da mãe, poetisa, e pela paixão por Los Hermanos, sua banda favorita. Aprendeu a tocar violão para auxiliá-lo na expressão de suas letras, que foram se acumulando em cadernos, e por volta de 2015 começou a mostrar algumas delas em vídeos caseiros publicados na web.

Para gravar o EP, pediu aos amigos para escolher entre as canções que ele já havia mostrado. Como meio de ajudar na divulgação, gravou um clipe que conta com mais de 80 mil visualizações, entre Facebook e YouTube. Para Yan, esse alcance só foi possível graças ao envolvimento de muitas pessoas. "Me sinto muito grato pelas pessoas que pude juntar nesse projeto e, de certa forma, orgulhoso também, por sentir que consegui passar para essas pessoas uma mensagem de cumplicidade e união", agradece.

Quer conhecer um pouco do trabalho de Yan Paiva? Assista ao clipe abaixo: