file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Bahia

Fiscais apreendem mais de 10 quilômetros de rede de pesca em Ibotirama, na região do Rio São Francisco

Rodrigo de Castro Dias - 22 de Abril de 2017 (atualizado 21/Jun/2017 14h34)

Foto: agentes da FPI apreendem redes utilizadas de forma clandestina no Rio São Francisco (Divulgação/FPI)

Foto: agentes da FPI apreendem redes utilizadas de forma clandestina no Rio São Francisco (Divulgação/FPI)

Redação Cultura&Realidade

Os agentes da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) apreenderam 10.500 metros (10,5 Km) de rede de pesca em quatro dias de atividades, que estão sendo realizadas desde terça-feira (18 de abril), na região Oeste da Bahia. As redes foram recolhidas na cidade de Ibotirama e no município circunvizinho de Muquém do São Francisco.

Os artigos de pesca estavam fora do padrão determinado em portaria pelo Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). A malha – distância entre os nós da rede - definida para a região é de 14 centímetros, e os pescadores foram flagrados com redes com malha de tamanho entre seis e oito centímetros. Dois pescadores foram multados e outros que se encontravam no local conseguiram fugir.

Até mesmo os técnicos da FPI se surpreenderam com a quantidade de rede irregular apreendida até agora na região. “Em termos comparativos, quando realizamos a FPI em Juazeiro, nós apreendemos 12 mil metros de rede de pesca irregular, em quinze dias de operação. Aqui, foi essa quantidade surpreendente de 10.500 metros, em apenas quatro dias de trabalho em campo”, conta Alberto Santana, analista Ambiental do Ibama. Quando as redes de pesca não estão em conformidade com o padrão, compromete o crescimento dos filhotes de peixes e de outros pescados, que são capturados.

LEIA MAIS: Ibotirama recebe força-tarefa para fiscalizar irregularidades no Rio São Francisco

                  Audiência pública vai apresentar resultados do programa de Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) em Ibotirama