file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Festival Gastronômico Paladares do Sertão

Estudantes de Irecê apresentam resultados de projeto de empreendedorismo

Cultura&Realidade - 24 de Novembro de 2017

file-2017-11-24175135.856818-jeep42a62c4a-d159-11e7-97a4-f23c917a2cda.jpg

Estudantes da Escola Luiz Viana Filho espõe produtos da linha economia critiva - Foto: Nara Zanelli/Sebrae

Escola Municipal Luiz Viana Filho envolveu 410 alunos na iniciativa,

que promoveram uma feira com os produtos desenvolvidos ao longo do ano

 

Com uma Feirinha do Empreededor, realizada nesta quinta-feira, 23, na praça do Bairro São Francisco em Irecê, a escola Municipal Luiz Viana Filho realizou encerrou as ações do ano do Projeto Jovem Empreendedor Primeiros Passos (JEPP). A unidade escolar ofereceu o projeto do 1º ao 9º ano, com disciplinas que fomentaram o empreendedorismo e iniciativas sustentáveis, com o uso de materiais reciclados.

Na feira, alunos e professores organizaram tendas com diversas atividades. Os participantes produziram doces e salgados, compotas, pimentas artesanais, bandejas com legumes e frutas, brinquedos com papel reciclado, flores de plástico e artesanato com caixas de papelão e tecidos.

O evento contou com a participação do gerente regional do Sebrae em Irecê, Edirlan Souza,dos secretários municipais de Educação e de Indústria e Comércio, Agnaldo Freitas e Pedro Sodré, respectivamente, além de professores, coordenadores e alunos, que fizeram uma apresentação musical para os convidados.

Para Edirlan, o projeto é uma ferramenta de transformação e motiva os participantes a pensarem em um futuro empreendedor. “Fomentar o empreendedorismo abre novas possibilidades de negócios futuros. Neste evento, já observamos diversas possibilidades de empreendimentso que poderiam ser levados adiante”, diz.

Graça Gonçalves, coordenadora do projeto na escola, ressaltou a importância do JEPP para o bairro. “Começamos em abril, envolvendo 410 crianças e jovens. Em junho, começaram as oficinas e hoje estamos expondo todo o trabalho para a comunidade. Estamos felizes com a motivação dos alunos e com essa parceria exitosa com o Sebrae. O Projeto JEPP é um incentivador das boas práticas empreendedoras e motiva o aluno a ir além” explica.

O secretário de Educação, Agnaldo Freitas, destaca que o projeto desperta a cultura do empreendedorismo nas crianças. "A iniciativa mostrou que o jovem pode ser provocado a abrir o seu próprio negócio, e não ficar sempre na dependência do emprego para gerar renda”, destacou Agnaldo.

Habilidades e comportamentos

O Programa Jovem Empreendedor Primeiros Passos é destinado a fomentar a cultura empreendedora nas instituições escolares e está de acordo com os quatro pilares da educação propostos pela Unesco: aprender a conhecer (adquirir instrumentos de compreensão); aprender a fazer (para poder agir sobre o meio envolvente); aprender a viver juntos (a fim de participar e cooperar com o outro em todas as atividades humanas) e aprender a ser (via essencial que integra as três precedentes). A ideia é incentivar a quebra de paradigmas e o desenvolvimento de habilidades e de comportamentos empreendedores.