file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Saúde

Deputada pede estudo sobre casos de câncer em Irecê

05 de Junho de 2017 (atualizado 19/Jun/2017 17h26)

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Redação Cultura&Realidade

A deputada Fabíola Mansur (PSB) irá levar ao secretário estadual de saúde, Fábio Villas Boas, o pedido para a realização de um estudo sobre o índice de casos de câncer no território de identidade de Irecê, região central do Estado que compreende 20 municípios e abrange uma população superior a 400 mil habitantes.

A suspeita é a de que os índices de câncer nesta região estariam muito acima dos patamares observados nas demais regiões do estado, e que este fenômeno estaria relacionado ao uso indiscriminado de agrotóxicos.

“A implantação de uma unidade de oncologia é um pleito antigo desta região e que sem dúvida será fortalecido com um estudo capaz de amparar com dados concretos desta suspeita”, defendeu Fabíola Mansur, ao ser questionada pelo assunto pelos jornalistas J. Sidney, Débora Suellen e Sandro Moreno em entrevista à Rádio Líder FM na última sexta-feira, 02. Segundo J. Sidney, o nível de contaminação de alguns alimentos produzidos na região é tamanho que “tem gente que não tem coragem de levar para a mesa de sua casa o produto que vende”. Para Sandro Moreno, “a falta de fiscalização e de punição” agrava o quadro. 

Glaucoma - Também entrevistada pela Rádio Caraíbas FM e pelo jornal Cultura&Realidade, a deputada socialista esteve em Irecê e em João Dourado para acompanhar os mutirões contra o glaucoma realizados no último final de semana pelas prefeituras dos municípios de Irecê e de João Dourado, e que juntos foram responsáveis por mais de 1.500 consultas oftalmológicas gratuitas. 

“Dá muito orgulho de ver um projeto iniciado há sete anos tomar corpo, ganhar vida própria e retornar ao ponto de origem com tanto sucesso”, declarou Fabíola que, na condição de médica oftalmologista, coordenou o Programa Nacional de Combate ao Glaucoma.

Os Mutirões de Combate ao Glaucoma de Irecê e João Dourado foram promovidos pelas prefeituras municipais em convênio com a clínica Oftalmodiagnose, que disponibiliza toda a estrutura de atendimento composta por uma equipe de 18 profissionais de saúde e um caminhão contendo quatro consultórios totalmente equipados. 

“Ações como essa são de grande relevância para Irecê, uma vez que estamos aqui fazendo um rastreamento para diagnosticar uma doença que pode levar à cegueira”, destacou a secretária de Saúde de Irecê, Ana Cácia. “Muitas pessoas hoje tem glaucoma em estágio avançado, com o comprometimento da visão, porque não tiveram essa oportunidade de fazer o diagnostico precoce”, pontuou.
 
Para a produtora rural Raildes Barbosa Bastos, 48, o Mutirão do Glaucoma não poderia ter vindo em hora melhor. “O médico do PSF me mandou fazer esse exame, mas eu não tinha como pagar os 400 reais pela consulta. O Mutirão caiu como uma luva”.

O médico e prefeito de João Dourado, Celso Dourado, fez questão de acompanhar o Mutirão realizado neste sábado, 03, no Ginásio de Esportes Josebias Cardoso Dourado. “Nos sentimentos contemplados com este programa de extrema importância para a saúde da população joãodouradense. Todos os municípios baianos deveriam ter esta oportunidade”. O prefeito destacou ainda o papel da deputada Fabíola Mansur. “O combate ao glaucoma e o estudo sobre o índice de casos de câncer mostram o compromisso da deputada Fabíola com a saúde da nossa região”, completou.⁠⁠⁠⁠