file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Festival Gastronômico Paladares do Sertão

Comissão dos Direitos da Mulher realiza campanhas de combate à violência

20 de Novembro de 2015

fabiola.jpg [caption id="attachment_3096" align="aligncenter" width="500"]Deputadas Fabíola Mansur e Nelsa Cadore Deputadas Fabíola Mansur e Nelsa Cadore[/caption] A Comissão dos Direitos da Mulher listou em reunião realizada na última quarta-feira (18) as ações que serão realizadas até o final do mês de dezembro em defesa dos direitos da mulher. Dentre as iniciativas estão a realização de audiência pública conjunta com a Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher do Senado Federal e o lançamento das campanhas “16 dias de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher” e “Quem ama abraça”, ambas de combate à violência contra a mulher. Presidindo os trabalhos, a deputada Fabíola Mansur (PSB), antes de dar início à pauta do dia, parabenizou a deputada Neusa Cadore (PT) pela condução da audiência pública sobre o vírus T-linfotrópico Humano (HTLV), ocorrido no dia 28 de outubro. Está confirmado para o dia 25 de novembro o lançamento da campanha “16 dias de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher”, no Plenarinho da Casa que contará com o apoio dos movimentos de defesa e empoderamento da mulher. No dia 26, acontecerá no Centro Cultura da Câmara de Vereadores, o lançamento da campanha “Quem ama abraça”, uma parceria que reúne a comissão e as secretarias de Educação e de Políticas para as Mulheres. Para o mês de dezembro, foi definida a realização de duas sessões itinerantes da comissão. A primeira será no dia 14 de dezembro, na cidade de Jeremoabo. A segunda, ainda sem data definida, será no município de Pintadas. No mesmo mês, a Casa vai sediar uma audiência pública da Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher, do Senado Federal. A agenda atende ao pedido da deputada federal Alice Portugal (PC do B) e vai discutir acerca da violência contra a mulher na Bahia. ENCAMINHAMENTO Dentro das ações em defesa da mulher estão a elaboração de um coletivo de assinaturas a ser encaminhado ao Congresso Nacional que visa repudiar as ações “retrógradas do presidente da Câmara Federal, o deputado Eduardo Cunha (PMDB). As assinaturas serão colhidas nas ações promovidas e nas que tiverem a participação da comissão.