file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Cultura, Esporte e Lazer

Cineclube leva filmes baianos para comunidade quilombola em Lençóis

Rodrigo de Castro Dias - 16 de Fevereiro de 2017 (atualizado 29/Jun/2017 10h49)

Comunidade Quilombola de Lençóis terá sessões de filmes

Foto: local onde serão exibidos filmes do Cineclube Fruto do Mato (Divulgação/Grãos de Luz e Griô)

Moradores do Remanso, comunidade quilombola do município de Lençóis, vão contar na próxima sexta-feira, 17, com a exibição de filmes de cineastas baianos, dentro da programação do Cineclube Fruto do Mato. A primeira sessão, com dois curtas-metragens de temática infanto-juvenil, vai ser realizada para alunos da Escola Municipal Therezinha Guerra Athayde Macedo. Outra sessão, aberta para pessoas de todas as idades, vai ser realizada em praça pública com o filme “A Lenda do Pai Inácio ou Kokumo?”, uma produção do Grãos de Luz e Griô.

O Cineclube Fruto do Mato tem o objetivo de levar cinema baiano, gratuitamente, para moradores e visitantes da cidade de Lençóis, na Chapada Diamantina. Os participantes têm a oportunidade de conhecer a cinematografia do estado da Bahia desde os primeiros filmes realizados no início da década de 60, passando pelo Cinema Novo, até as obras produzidas nos dias atuais.

O projeto teve início no último dia 7 de fevereiro, com a sessão de abertura no Teatro de Arena, centro da cidade, onde mais de 200 pessoas assistiram ao filme “A Grande Feira”, do diretor Roberto Pires. Após a exibição, um debate foi realizado com os participantes, que contextualizaram a obra com a atual situação política e social do país. Temas como as questões do racismo e machismo também vieram à tona nas discussões.

As sessões do cineclube acontecem semanalmente até o dia 25 de julho deste ano. A programação será alternada entre o Teatro de Arena de Lençóis e as escolas públicas da zona urbana e rural.

O Cineclube Fruto do Mato é um projeto aprovado pelo Fundo de Cultura da Bahia, da Secretaria de Cultura do Estado, em parceria com o Ponto de Cultura Grãos de Luz e Griô, sediado na cidade de Lençóis. A iniciativa tem ainda o apoio da Diretoria de Audiovisual do Estado da Bahia (DIMAS).

A participação do público é gratuita e os interessados em assistir aos filmes podem se dirigir até a sede do Griô, no centro de Lençóis, ou fazer a inscrição pela internet, através da página do cineclube nas redes sociais: www.facebook.com/cineclubefrutodomato. Informações adicionais através do telefone (75) 99862-1871 ou (75) 99947-3812.

Com informações da assessoria do Grãos de Luz e Griô