file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Cultura, Esporte e Lazer

Chapada: começa contagem regressiva para o Festival Ressonar em Piatã

05 de Janeiro de 2017 (atualizado 09/Fev/2017 02h38)

file-2017-02-09003844.730135-ressonar-face-performance-mushpiese03f38c4-ee70-11e6-ba9b-047d7b108db3.jpg

Foto: evento acontece entre os dias 10 e 16 de janeiro (Reprodução/Mushpies) 

Do Jornal da Chapada

O público do Ressonar Festival já está contando os dias para o início da festa. Esta será a nona edição do evento que acontece entre os dias 10 e 16 de janeiro, na cidade de Piatã. Produzido a cada ano na lua cheia de janeiro, o Ressonar nasceu de uma rede de conhecidos grupos de artistas, místicos, ambientalistas e realizadores que juntando seus ideais e fantasias decidiram criar um festival na Chapada Diamantina.

A programação do Ressonar continua voltada para a sustentabilidade da região. Em quase 10 anos de evento, os organizadores seguem com a mesma perspectiva das edições que aconteceram em Lençóis, ampliando os debates em torno dos assuntos que permeiam o imaginário coletivo da população da Chapada. A produção do festival está disponibilizando a compra de consumação para quem irá pagar com cartão de crédito uma vez que nas montanhas o sinal de telefone é muito instável e as máquinas de cartões podem não funcionar bem. Para isso basta acessar o link “http://ressonar-festival.com.br/home/comprar-luas/” e ver todas as informações.

Soundsystem - O festival quer oferecer o melhor quanto a tecnologia de som que existe para quem estiver presente. Sendo assim, quando Tom Danley, um ex-engenheiro da Nasa, a agência espacial estadunidense, criou o revolucionário sistema de som Pure Groove, os produtores do evento sabiam que era apenas uma questão de tempo até tê-lo em sua celebração. A potência e precisão desse soundsystem estarão em dois dos palcos o Eclipse e o Luar.

Piatã - A cidade de Piatã é conhecida por diversos e deliciosos tipos de cafés, inclusive alguns premiados internacionalmente. É também reconhecida pelo frio, com baixas temperaturas e chegando a ser uma das cidades mais frias da Bahia, registrando até zero graus em determinados períodos do ano. A organização do Ressonar, no entanto, lembra que o festival de arte e música eletrônica acontece no verão. A programação ainda não foi divulgada, mas é esperada muita música eletrônica. Mais informações no site www.ressonar-festival.com.br.