file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Irecê e Região

Atirador mata um homem e atinge outro gravemente na Praça do Feijão, na noite deste domingo

Cultura&Realidade - 04 de Dezembro de 2017 (atualizado 04/Dez/2017 11h59)

file-2017-12-04115910.549595-vitimasaf31d70e-d903-11e7-abad-f23c917a2cda.jpg

Jossivan Barbosa, à esquerda e Jeferson, vitimas de tiros, ontem no centro de Irecê - Foto: Extraídas dos Facebook pessoal das vitimas.A situação de saúde consta na matéria.

A polícia ainda não divulgou oficialmente a qualificação das duas vítimas de um assassino que na noite deste domingo, deflagrou tiros em dois homens na Praça do Feijão, quando esta ainda estava com bastante movimento, gerando bastante correria e medo. 
Ao meio de diversos transeuntes, aparentemente um casal mais um amigo estavam caminhando tranquilamente no centro da praça, quando foram surpreendidos sorrateiramente, por trás, por um homem que sacou uma arma e disparou contra os dois supostos amigos.
O primeiro, Jossivan Barbosa, popular Bau, 31 anos caiu ao chão com os primeiros tiros e morreu na hora. O amigo, de prenome Jeferson, que estava acompanhado de uma mulher, foi perseguido e alvejado ao menos três vezes pelo assassino. Jeferson se encontra acompanhado por uma junta médica no Hospital Regional. De acordo com informações de um agente da polícia civil, os dois tem passagem pela polícia.
Pela imagem de vídeo divulgada, tem-se a sensação de que o crime foi premeditado. O autor dos disparos estaria sendo auxiliado por outros homens em um carro de cor clara, conforme as movimentações verificadas no vídeo que o leitor pode ver aqui. https://www.facebook.com/culturaerealidade/posts/1590701630988567?comment_id=1590711744320889&notif_id=1512392179876468&notif_t=feed_comment
Entretanto, investigações preliminares apontam para o fato de que uma das vítimas teria dado um tiro para cima, em um determinado local da praça e o assassino teria resolvido “ensinar como atirar”. Porém muitas falas ainda estão desencontradas e a equipe policial está investigando o caso e, pela celeridade com que os delegados têm solucionado casos em Irecê, de certo, este será mais um desvendado em pouco tempo.