file-2017-02-08175959.335653-Banner-CR-topo-notcia_22b9a9f62-ee39-11e6-aece-047d7b108db3.jpg

Irecê e Região

Agência do Banco do Brasil em Irecê já está em reparos

Rodrigo de Castro Dias - 23 de Março de 2017 (atualizado 27/Jun/2017 16h29)

Foto: Apesar da reforma já estar em andamento, reabertura do atendimento ao público continua sem previsão (Reprodução)

Foto: Apesar da reforma já estar em andamento, reabertura do atendimento ao público continua sem previsão (Reprodução)

Redação Cultura&Realidade - Por Rodrigo de Castro Dias

A agência do Banco do Brasil em Irecê, atacada por bandidos na madrugada desta segunda-feira (20), já iniciou obras de recuperação nas áreas de atendimento ao público. Embora não exista ainda previsão para reabertura da agência, a expectativa é que o atendimento seja reestabelecido o mais rápido possível.

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários de Irecê e Região, Carlos Alberto, o reestabelecimento das atividades é prioridade. "Os reparos já estão sendo feitos para que o banco volte a funcionar rapidamente", afirma. Segundo ele, outras agências atacadas nos últimos meses também estão em reforma. "Em Central os trabalhos já estão acontecendo a algum tempo, o atendimento deve retornar em breve", explica. A agência de Central deve ter a reforma concluída em maio.

Por outro lado, as agências do BB em Ibititá e João Dourado seguem fechadas, sem previsão para recuperação. A situação do banco em João Dourado é especialmente complexa, de acordo com o presidente do sindicato. "O prédio lá era muito antigo, então a recuperação dele é muito complicada. Por enquanto, segue sem previsão de reforma e reabertura lá", esclarece ele.

Prefeitura pede celeridade de reabertura da agência ao BB

Nesta quarta, o prefeito de Irecê, Elmo Vaz, esteve em Brasília para conversar com o presidente do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli sobre a necessidade de recuperar rapidamente as atividades do banco na cidade. Segundo o prefeito, a situação pede urgência.

"Somos uma das regiões mais importantes do interior do estado, com um território com mais de 20 municípios e cerca de 900 mil habitantes. Nossos segmentos comercial e de prestação de serviços são fortes, bem como a produção da agropecuária e diversas outras culturas e não podemos ficar muito tempo sem a atividade plena desta agência", afirmou Elmo durante a reunião. 

O gerente-geral do BB, Rodrigo Nogueira, presente na reunião, disse que o banco está se esforçando para garantir a retomada do funcionamento da agência o mais breve possível. “Estamos trabalhando para colocar o quanto antes a agência em funcionamento, minimizando os danos para a população. A situação é crítica, somente na bahia já são 47 agências fechadas por conta de arrombamentos”, destacou, lembrando do grande número de agências do BB comprometidas por ações criminosas no estado.

Na manhã de hoje (23), já de volta a Salvador, Elmo Vaz esteve com o superintendente estadual do BB, Carlos Mota dos Santos, reforçando os pedidos de celeridade na recuperação da agência ireceense. O superintendente deverá visitar Irecê nesta sexta-feira (24) para deliberar providências na retomada de atividades bancárias do BB na cidade.